02 outubro 2008

Uma menine no meio da galere. rs

Onde está aquela menininha morena, gordinha, de cabelo (liso) castanho escuro e o olhos da mesma cor e cheios de inocência? Cadê aquela menina que amava acordar cedo, que não faltava um dia o colégio, que a mãe arrumava ela na cama enquanto ela dormia. Aquela menina que no colégio era uma peste mais ao mesmo tempo a melhor aluna da turma; aquela que era odiada pelas meninas por ter todos os meninos aos seus pés; que era popular, engraçadinha e só andava com os meninos, fazendo-se confundir as vezes com um dos muleques. Aquela menina que odiava maquiagem, salto, vestido, cabelo arrumado. Menina que não dormia de tarde porque achava perda de tempo e que não deixava a mãe dormir também, porque tinha medo de ficar sozinha, então chorava e fazia pirraça pra mãe não dormir. Ficar no escuro para ela era algo impossível, pois se sentia insegura e com medo. Imaginava que pela janela iria entrar um ladrão, mesmo morando no 4ª andar, achava que ou ele entraria voando ou escalando a parede como o homem-aranha. Ficar no telefone era futilidade, demorar no banho e fazer compras no shopping também. Computador? Que nada, seu vício era a televisão, assistia todos os desenhos e sabia os comercias de trás pra frente.
Hoje não a chamam mais de Bruninha, nem de Bru e muito menos BB. Hoje ela simplesmente é chamada de Bruna, e é mais uma no meio meio da multidão. Ou talvez não!





Ganhei meu primeiro selinho hoje da http://cookieswithmilk.blogspot.com/! Obrigada Yaas *-*




8 comentários:

Yaas disse...

não sei você. mais eu me sinto completamente perdida ao saber que mudei, e que naum posso mais voltar a ser o que era antes...
saber que nunca mais minha vida vai ser a mesma, e saber que as mudanças não param... Saber que a idade vai chegando e você toma razão de um mundo que você nunca quis entrar...
Enquanto milhares de pessoas querem crescer para serem brilhantes e maduras, eu quero ficar aqui, nem que pra isso eu tenha que ficar ofuscada.
de nada xuxz (:
beijos

Jhennifer Cavassola disse...

Vivemos numa metamorfose ambulante, a vida é feito disso. Eu achava que seria sempre do mesmo jeito quando eu tinha 13 anos, mas amadureci tanto, vivi tanta coisa que fui acordando.

O bom de tudo é isso!!! :)

Beijos querida

Yaas disse...

tbm faço de tudo pra continuar na minha infância. e tbm naum saio gritando gugu-dada, nem chupando chupeta (opa...nunca fiz isso)
o maior problema é o medo das mudanças, de esqueçer tudo, de derrepente ter que virar pra frente e ver o futuro adulto, um mundo que pra mim tbm naum é lá muito atrativo...
podexa, não apago os seus coments, não (:
beijos.

Mah ;) disse...

nossa, eu sinto que mudei tanto, sabe?! sei lá, é tanta coisa ao mesmo tempo. amores desintendidos, escola, notas, pais... perdas, ganhos! tudo me fez amadurecer MAIS. :)

ahn, eu queria tanto que as coisas fossem do meu jeito.. ahoaiuh [mah sendo um pouco egoísta], é que esses adultos não sabem de nada. :P haha

então Brasil :),
eu me liguei já nesse negocio de ficar na minha sabe? vou até pedir desculpa praquele gordo chato, pq eu tenho mesmo que fazer um trabalho dele! e tb pra não ficar aquele clima estranho entre aluno e professor, aquelas briguinhas que irritam >.< por isso,
eu vou me comportar com ele! é só com ele que eu tenho birras! hauehe adoooro todo mundo que trabalha na escola! =]

beijoooo e parabéns pelo selinho! ;D
p.s.: parceria? ;)

B. disse...

Eu adoro esse tiops de 'menine' e 'galere'. KKKKK. Caraca, eu era igualzinha a voce na maioria dessas coisas, mas é assim, são apenas fazes da vida e por melhor que pareçam, sempre passam...

Anny disse...

\o/
Eu era igualzim o que vc disse...
Eu andava com os meninos,(menina gordinha),não gostava de salto,maquiagem e nem de se arrumar...
O tempo passou e eu trokei minhas bonecas por meus objetivos,meu castelo dos sonhos por um real,enfim,EU CRESCI!

Mentalmorfose disse...

nossa.... me encontrei nesse texto =D eu eraa assim antigamente...
talvez eu tenha mudado... mas... com certeza ñ sou mais uma no meio da multidão =]
eh incrivel como a gent mudaa.... em apenas 2 anos mudei tanto =o hehe...
como diz o Rauzito
eu prefiro ser essa metamorfose ambulante


gostei do teu blog =]

;*

Quer uma xícara de chá? disse...

Espero que essa menina tenha desaparecido para entrar outra mais madura no lugar. Assim é válido. Ei, não me conte o final.