08 julho 2010

A amarelinha que ficou escondida.

É engraçado como a gente cresce, e não percebe, ou até se perde. Há pouco tempo (pelo menos é o que parece...) brincávamos de boneca; assistíamos desenho animado; queríamos ganhar tudo o que desejávamos, e na hora em que a gente mandava. Jogávamos queimado e pique bandeira; saíamos acompanhados dos pais sem nos importar, fosse para o cinema ou para o parque de diversão; enchíamos a pança de chocolate, batata-frita, refrigerante e nem aí para o nosso peso e não nos preocupávamos em passar no colégio, já que o que queríamos mesmo era aprender. Só que hoje não é assim. As coisas mudam, a gente muda, tudo muda. As bonecas foram substituídas pelos beijos na boca, e algumas meninas ganharam até a sua boneca real; vemos Big Brother Brasil e outras coisas super produtivas na televisão (conhece a palavra ‘irônia?), em vez de pegar um livro e ler; economizamos (ou pelo menos tentamos), pois sabemos como a situação está difícil. Não se pode mais ficar na rua, pois é perigoso e ninguém mais quer sair de casa pra se divertir, porque acha mais legal ficar em enfurnado na frente do computador. Sair com os pais, nem pensar, preferimos não sair a ter que levar os nossos 'velhos' com a gente; comer então, nem se fala, qualquer coisinha só é ingerida após conferida a sua quantidade de caloria e passar no colégio agora é a coisa mais sofrida do mundo, porque preferimos não fazer nada, do que "perder" o nosso tempo estudando... E a maior mudança (e preocupação) de todas: o ano do vestibular. Mas sobre isso eu falo em algum outro post, é um assunto maior, ao qual quero me aprofundar.

21 comentários:

Mandy disse...

Post engraçado e divertido. E Buba, eu concordo muito com vc. :) Tas certissima. Estou ansiosa para o proximo assunto, o qual eu conheço bem. hdsaiudhuiashui
Beijos
Mandy

Jeniffer Yara disse...

Concordo com você,mas não vamos generalizar,rs Ainda gosto de sair com a família,até por que o contato que tenho com ela hoje em dia é muito pouco,mas o resto das coisas,é verdade mesmo,rs.
Ah o vestibular...ô assunto que me intriga e me preocupa agora! =X

Bjs!

Rebeca Postigo disse...

Ah...
Quando éramos crianças tudo era mais simples...
=/

Bjs

Fernanda Ferreira disse...

Acho lindo essa percepção que temos de analisar o passado... enquanto o presente (como é o caso do vestibular =/) sempre parece ser mais complicado, e o vemos apenas como num espelho embassado.

Quando crianças também achávamos o que hoje julgamos "simples" complicado. E assim as coisas vão... (ou não vão)! =D

Lindo e divertido essa postagem. Gostei muito! E aguardo pela postagem sobre vestibular.

Beijo!

''Tay' disse...

Quando somos crianças, as coisas são sempre mais simples.
Adorei muito o texto.

bjus =*

Priscila Rôde disse...

Pois é. As coisas mudam muito. Só não tive problemas em sair com 'os velhos' e ainda não tenho, eles as vezes são mais jovens do que eu..

Um beijo, Flor.

Erica Ferro disse...

As pessoas esqueceram que viver não exige tantas regras.

Beijo, Bru.

Tania T. disse...

Ah.. que pena que as coisas mudam.. ERam melhores quando não nos preocupávamos com o corpo, viviamos como se não existissem problemas.. tão mais fácil..rsrs'

Mas as coisas mudam não é?Temos que aprender a lidar da melhor forma possível com as mudanças.


Gostei muito do post. Acho esse assunto muito interessante e o post, como sempre, muito criativo.

bjos'

Gislaine Fernandes disse...

Muito bom seu post!!!
bjs

Vicky D. disse...

Adorei o post. Concordo com você mas eu ainda adoro sair com a mama ^-^ rs. E crescer é isso mesmo, as coisas (meio que) trocam de lugar... se antes queriamos umas coisas, agora nem queremos ver... Irei ficar esperando pelo próximo post, conheço bem o assunto 'vest'... ^-^

Bjão =^.^=

Luiza disse...

gostava tanto dos velhos tempos. ><
beijos

Cris Souza disse...

Buda!!!! saudades de você... Generalizações não, né? Mas é um texto reflexivo, importante!

Erica Oliveira disse...

Ultimamente venho sentindo muita saudade dessa época que eu não me preocupava com nada.Ah, se eu pudesse voltar no tempo...

Eu lírico disse...

adorei teu espaço, aparece lá no meu blog ;)
p.s.: virei seguidora

Patrícia Alves disse...

o tempo passa rápido demais e quando a gente percebe, já foi! As coisas mudam de tal forma, que chega até a assustar. E o vestibular é a coisa mais assustadora de todas . Nossa! Surgem borbeletas no estômago só pensar no que fazer pro resto da vida :/
Lindo aqui ...
beijos .*


www.history-end.blogspot.com

dianaBruna disse...

realmente, fazemos da vida um caos e esquecemos o quanto ela era simples, e que podemos ainda simplificá-la...
=**

brunela disse...

Tudo tão verdade... :/
xx

Natália disse...

infelizmente as coisas mudam, e felizmente continuam para sempre em nossas lembranças! bj

Mandy disse...

Buba, tem selinho e meme pra ti no meu blog :)
Beijoos
Mandy

Srta' Wévine disse...

meu blog voltou ! passa lá?f

gabyzinhastar disse...

O tempo passa muito depressa.
O post, me fez lembrar da minha infância, das festas do pijama com as amigas.

Beijos